Meu nome não é Aline

meu nome não é johnny

Meu nome não é Johnny -http://www.adorocinema.com/filmes/filme-146072/

É normal receber ligações que na verdade, são enganos, né? “Oi, Fulano, to te ligando pra falar que…” “Desculpa, você ligou errado.” “Mas esse número não é X?” “Não, é X+Y.” “Aaaah, então desculpe.”

Normal, acontece o tempo todo.

Mas quando começa a acontecer todos os dias e todas as pessoas se enganam com a mesma, aí é estranho, ou no mínimo, irritante. De uns tempos para cá, quase todos os dias alguém me liga querendo falar com uma tal de Aline. E tenho minhas dúvidas se a Aline anda passando o número errado de propósito para as pessoas, ou se o número é realmente bastante similar.

Eu não costumo atender chamadas de números desconhecidos. Mas de vez em quando, sim, porque pode ser de algum lugar que eu realmente esteja esperando uma ligação. Daí que todos os números desconhecidos dos últimos tempos querem falar com a Aline. Outro dia foi: “Oooooi, Aline! Estava aqui pensando se no dia que você for viajar…” Eu interrompi, obviamente, porque não quero saber detalhes da vida da Aline. “Moço, você discou errado. Eu não sou Aline e esse número não é dela.” “Tem certeza?” (Não, na verdade, eu tenho dupla personalidade e além de Sarah, também sou Aline. Mas a Aline só aparece em alguns momentos específicos, dos quais eu realmente não me lembro, de forma que nesse exato momento já não sei mais se sou Sarah ou Aline.) “Tenho bastante certeza, sim”. “Então me desculpe.”

O impressionante é a pessoa cogitar a possibilidade de eu não ter certeza de que sou eu mesma e de que o número que uso há uns seis anos não ser meu. Mas ok.

No começo eu não ligava, mas agora confesso que está irritante. Então sempre que eu atendo um número desconhecido perguntando pela Aline, já respondo: “Não tem nenhuma Aline aqui, você discou errado, tchau” E desligo. Não reclamem, ainda dou uma informação e me despeço. Poderia apenas desligar.

Fico imaginando quem é essa Aline. Quantos anos ela tem, o que ela faz, se estuda, se trabalha, se tem filhos, se dirige, se é legal ou antipática, se gosta de ler, porque fica passando o número errado para as pessoas, em que bairro ela mora, se o nome dela é Aline mesmo, se ela existe mesmo, se a mãe dela deu esse nome para ela por causa da música do Agnaldo Timóteo e tantas outras coisas. Dá vontade de dizer para o próximo que me ligar: “Olha, esse número não é dela, mas quando você souber o certo, me passa para eu falar com ela também?” Porque Aline deve ser meio famosa, só pode.

Enfim, apesar de não ter mais paciência com quem liga procurando pela Aline, dias atrás, fiquei com dó de um moço que mandou uma mensagem e resolvi responder. A mensagem dizia assim: “Aline, minha amiga, tudo bem contigo? Hoje é dia de comemorar! Parabéns pelo aniversário, muita saúde e paz! Abs.” Bem, ele mandou essa mensagem à meia noite, o que me fez crer que ele gostaria de ser um dos primeiros a dar os parabéns para a Aline. Talvez seja um amigo querido, mas o mais provável é que seja um cara bem interessado nela e querendo fazer um charme (afinal, que amigo não teria o número correto gravado na agenda?). Fiquei com dó e respondi: “Moço, como estou vendo que você está tentando dar os parabéns pra sua amiga, mando essa mensagem pra avisar que esse número não é dela. Procure o número certo, ou mande mensagem no Facebook.” Vejam vocês como eu sou legal demais. O moço me respondeu: “Muito obrigado! Mas você tem o número dela?” DEUS DO CÉU! O que passa na cabeça das pessoas? NÃO, eu não tenho o número dela, até porque eu não sei nem que é essa pessoa inconveniente que tem o número parecido com o meu. Como eu poderia ter o número dela? Não tenho. E se tivesse, agora iria usar para ligar e xingar ela. Respondi: “Não a conheço.”

A gente faz uma boa ação e ainda tem que ler umas coisas assim.

Aline, se você ler esse post, por favor, comece a passar outro número errado para as pessoas indesejadas. Eu conheço a tática de passar número errado, mas você pode variar e não passar só o meu, ok?

Pessoas que procuram pela Aline: meu nome não é Aline. Eu não sou amiga dela. Não a conheço. Não sei o número dela. Me deixem em paz. Pela atenção, obrigada.

Anúncios

2 comentários sobre “Meu nome não é Aline

  1. (eu já tinha escrito um comentário. Se por um acaso aparecer, ignore esse)

    Por algum motivo indeterminado, um universo se esbarrou nesse e por isso a confusão. Nesse outro universo, seu nome é Aline e ainda sim as duas tem o mesmo número de celular. As pessoas do outro lado da linha devem pensar que você é bipolar… Você não, seu “eu” Aline.

    • (Só apareceu esse. rs)

      Essa é uma explicação muito possível, Livita. hahahaha… As pessoas no outro universo devem pensar que meu eu Aline está enganando elas.

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s