As músicas que não saem da minha cabeça #1 – Caetano Veloso (Transa)

 

Eu já comecei tantas séries de posts nesse blog, que nem sei quais existem mais e em que número estou em cada uma, hahaha. Prometo tentar me encontrar nisso. Mas alguns assuntos não cabem em apenas uma publicação, ou pelo menos serão retomados algumas vezes, então acho que fica mais oganizado assim, vocês não acham? Essa série não é para falar de músicas grudentas, que a gente fica cantarolando o dia inteiro, apesar do que o título pode indicar. Na verdade, é sobre as músicas que eu escuto diversas vezes e que por algum motivo têm significados importantes para mim.

Eu gosto muito de música. Não sei cantar, não sei tocar nada, mas sempre tive uma relação especial com a música. Na verdade, eu preciso dela para viver. Por exemplo, às vezes estou há vários dias meio de mau humor, sem saber explicar o porquê. Aí me dou conta que faz um tempo que não paro para escutar música. Mas, sabe, escutar de verdade, não apenas deixar tocando ao fundo enquanto a gente faz alguma coisa. Nesses momentos, escolho um disco para ouvir inteirinho e fico quieta, só aproveitando esse momento. É incrível como após isso, eu viro outra pessoa, com um humor muito melhor e me sinto um pouco renovada.

Enfim, um dos meus discos preferidos do Caetano Veloso é o “Transa”. Ele foi lançado em 1972, no Brasil. Mas foi gravado em Londres, onde Caetano estava exilado por causa da ditadura militar. Justamente por essa situação de exílio de Caetano, esse álbum é tão significativo. Apesar de algumas letras em inglês, da influência de ritmos como o reggae, na música “Nine out of ten”, é um disco que considero extremamente brasileiro, seja pelas letras, seja talvez por todo o sentimento de amor e saudade de sua terra que Caetano depositou nesse disco. Por isso há um quê de melancolia que dói um pouco o coração, mas não de um jeito desesperador. Não à toa ele foi considerado o 10º melhor disco da música brasileira de todos os tempos, numa lista que a Revista Rolling Stone fez, em 2007.

Transa

Por favor, quando tiverem uma chance, escutem o disco inteiro. Ele nem é tão longo assim. Hoje vou compartilhar as minhas três prediletas desse disco. Coincidentemente, mas não de própósito, duas estão mais ou menos em inglês. Digo mais ou menos porque Caetano mistura com o português.

1. You don’t know me

 

2. It’s a long way

 

3. Mora na filosofia

Espero que vocês também gostem dessas músicas e desse disco. Caetano é sempre muito bom, na minha opinião.

Bom domingo!

Anúncios

Um comentário sobre “As músicas que não saem da minha cabeça #1 – Caetano Veloso (Transa)

  1. Pingback: As músicas que não saem da minha cabeça #2 – Legião Urbana |

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s