Minhas séries do momento #4

Esse é um dos meus momentos preferidos no blog. De vez em quando venho aqui falar das séries que estou assistindo, um pouco para trocar figurinhas com vocês, para falar: “olha que legal isso aqui que eu tô vendo”, ou: “nossa, odiei isso aqui, o que você achou?”, um pouco porque eu sinto uma necessidade de falar sobre isso, ainda que não tenha relevância pra vida de ninguém. =)

Não vou perder muito tempo aqui nessa introdução, porque muitas séries se acumularam desde a minha última postagem, há uns oito meses! Só quero lembrar, como sempre, que não sou crítica de série, não quero ser, não finjo que sou, meus comentários são unicamente minha opinião de telespectadora meio viciada em seriados, OK?

Vou começar pelas séries que já terminei ou abandonei.

The Fall – Essa é uma série bem curtinha, que assisti super rápido. Não vou fazer muitos comentários, porque fiz um post só falando sobre ela, que vocês podem ler AQUI. Resumidamente: a história é sobre uma detetive que investiga alguns assassinatos cometidos por um serial killer que mata mulheres. Mas esse é bem o resumo mesmo, porque é muito mais que uma história de detetive. Leia o post que fiz sobre a série e, principalmente, assista, que você vai entender o porquê. Recomendo muitíssimo.

Narcos – Série abandonada. Eu tentei, juro que tentei assistir a segunda temporada, mesmo após não ter gostado da primeira. Não consegui passar do quarto episódio. Sei que Narcos é uma série que tem muitos fãs, mas eu realmente não entendo o motivo. Se vocês querem saber por que eu não gosto de Narcos, leiam o post que eu fiz após ver a primeira temporada, clicando AQUI. Ao começar a segunda temporada vi que tudo o que eu detestei estava se repetindo e por isso continuo fazendo a mesma crítica à série. Não vou acabar de assistir, não tenho vontade, abandonei mesmo.

Mad Men – Apenas: QUE SÉRIE! Sem dúvidas, a melhor que eu vi em 2016. Provavelmente entrou para minha lista de melhores séries do mundo. Eu quis fazer um post só sobre ela aqui, mas não consegui encontrar tempo para falar todas as coisas que gostaria. Mas vou fazer isso ainda, aguardem. Mad Men é uma série dramática sobre um publicitário chamado Don Draper, no contexto dos anos 60, em Nova Iorque. É sobre ele, mas não só isso, como todas as histórias. Para além disso, a série mostra um contexto histórico-cultural muito interessante e aborda temas como a questão das mulheres, por exemplo. Sem falar que é uma série linda de se ver, esteticamente falando mesmo, é super bem produzida. Sempre escutava falar bem de Mad Men e quando finalmente decidi assistir, não me decepcionei. Recomendo para qualquer pessoa (que tenha idade suficiente para assistir, lógico) e eu ainda vou dedicar um pouco mais de tempo e espaço aqui no blog para falar porque amei essa série.

mad-men

 

Black Mirror – Sei que essa série está meio na moda, mas não acho isso ruim, porque acho que Black Mirror deveria ser assistida por todo mundo mesmo. Não só porque é uma série muito boa, mas porque a mensagem e a crítica em cada um dos episódios são necessárias para uma sociedade como a nossa. Black Mirror não é só uma série sobre o que a tecnologia pode fazer por/com nós no futuro, é sobre o presente. É sobre o caráter humano, é sobre nossa vida em sociedade e sobre como a tecnologia é apenas uma ferramenta que acentua as coisas boas e ruins. Recomendo esse post, sobre 5 razões para assistir Black Mirror e claro, recomendo que quem ainda não assistiu a série, assista. Ela é bem curtinha e tem uma dinâmica um pouco diferente, com episódios independentes entre si. Então pode ser legal até para quem não curte muito esse ritmo de séries.

black-mirror

Orange is a new black – Desde que comecei a assistir essa série declarei meu amor por ela aqui no blog. Confesso que no começo da quarta temporada (que é a última até agora), eu estava achando meio chato, mas aos poucos fui me animando de novo. Gosto muito dos assuntos abordados em Orange e gosto também da questão da representatividade. Para quem não conhece a série e tem curiosidade, recomendo um artigo que já recomendei aqui antes, que fala sobre todas essas questões. Sem dar spoiler, chorei como uma criança no final da quarta temporada e ainda não me recuperei do golpe. Entendedores entenderão. =(

Game of Thrones – O que eu poderia falar sobre Game of Thrones, minha gente? Nada, né? Eu só posso concluir que quem não assistiu a série até hoje é porque não gostou ou simplesmente não se interessa por esse tipo de história, porque todo o resto da humanidade assiste, então não tenho muito o que ficar comentando. É só para compartilhar aquele sentimento coletivo de: MEO PAI DO CÉU, GAME OF THRONES! Uma pena que demora tanto a nova temporada, mas assim a gente exerce nossa paciência.

OMG!

OMG!

Grace and Frankie – Falei sobre essa série na minha última publicação sobre séries. Comentei que era uma série que parecia bobinha, mas é muito legal. A história é sobre duas mulheres que depois de 40 anos de casamento precisam refazer suas vidas após descobrirem que seus esposos são gays. Continuo achando legal e recomendo. Acabei a última temporada e achei que só está melhorando.

Making a murder – Essa é uma série documentário sobre Steven Avery, um cara que foi acusado injustamente por um crime que não cometeu e passou 18 anos preso, cumprindo essa pena. Depois de muita briga na justiça e o aparecimento de novas provas, ele foi solto, mas não durou muito tempo. Steven foi preso novamente, acusado de um assassinato. Ele está preso até hoje e novamente tentando provar sua inocência. É uma história bem polêmica. Apesar das produtoras fazerem de tudo para provar que Steven é inocente nesse segundo caso também, eu não sei se estou completamente convencida disso. Mas pelo menos estou convencida de que as provas contra ele a maneira como o acusaram e o prenderam são super questionáveis. Assistam e me digam depois o que acharam.

Fuller House – Apesar de achar bem bobinha, continuo assistindo essa série. A Netflix disponibilizou a segunda temporada em dezembro e eu terminei rapidinho, porque é o tipo de série que assisto enquanto estou almoçando, para passar o tempo. Não recomendo se você procura uma série engraçada ou com uma história mais elaborada. Recomendo se você assistiu Full House (Três é demais) no passado e se não se importa em ver séries bonitinhas/bobinhas.

Supernatural – Contei AQUI que estava empolgada com a 11ª temporada. Realmente Supernatural tem melhorado nas duas últimas. Mas o final também não me deixou com grandes expectativas para começar a nova. Então já começou a 12ª e até hoje eu não comecei ainda e não sei quando vou começar. Provavelmente quando eu acabar algumas das que estou vendo agora.

Bem, acho que essas foram todas que eu assisti nesse período. Agora as que estou assistindo no momento:

Gilmore Girls – Quando eu soube que a Netflix ia fazer uma nova temporada depois de 10 anos e também disponibilizar todas as temporadas anteriores, não pensei duas vezes em começar tudo lá do início. Não sou uma super fã de Gilmore Girls, como sei que tem muita gente por aí, mas é uma série que eu mais ou menos acompanhava na minha adolescência. Nunca consegui ver ela seguida nem até o final e agora é minha chance. Já estou na quarta temporada e amando. É uma série aparentemente com um enredo simples, mas sai tanta coisa dali, que nossa, faz a gente rir, chorar, pensar… já estou triste por antecipação porque sei que vou acabar em breve. Não me deem spoilers da nova temporada produzida pela Netflix, estou evitando ler as críticas para não saber o que vem a seguir. Quando eu acabar, a gente conversa.

gilmore-girls-tumblr

How to get away with murder – Estou assistindo a terceira temporada, apesar de estar um pouquinho atrasada. Essa série comecei a ver por causa dos comentários positivos que li por aí, devo confessar. Adorei a primeira temporada, a segunda comecei achando ruim, meio uma repetição da primeira, depois gostei. A terceira está bem imprevisível, até onde eu vi, estou um pouco chocada com o desenvolvimento de um dos personagens principais, mas não quero dar spoiler, então a gente fala sobre isso depois. Não sei dizer se gosto muito dessa série. Ela tem uma coisa legal que é deixar você preso na história, é super envolvente e eletrizante e quando você acha que ela está ficando chata, ela fica super legal. Ainda tem a Viola Davis, maravilhosa, como protagonista. Mas não vejo por onde essa história pode se desenvolver para próximas temporadas, dá uma sensação de que é uma eterna repetição da primeira. Vamos ver por onde vai isso aí.

Grey’s Anatomy – Comecei há pouco tempo a 13ª temporada. Como contei AQUI, comecei empolgada com a temporada anterior e terminei meio: “ahn, OK”. Então estou devagar, não estou super animada para assistir, principalmente porque estou em um relacionamento sério com Gilmore Girls. Mas já comecei e, como vocês sabem, depois de tantos anos acompanhando Grey’s, eu só vou parar de ver quando a série acabar mesmo. Por enquanto não tenho muito o que comentar sobre ela, quando eu estiver mais avançada, falo melhor o que achei dessa temporada.

Essas são as que estou assistindo assiduamente por enquanto. Algumas estou na espera das novas temporadas, como Better Call Saul e House of Cards. E isso é tudo o que eu consigo lembrar. Bastante coisa, né? Mesmo que é tudo acumulado de oito meses, ainda assim é muita coisa. Mas tudo bem, eu não ligo. E vocês? O que têm assistido no momento?

 

 

 

 

Anúncios

Um comentário sobre “Minhas séries do momento #4

  1. Pingback: Minhas séries do momento #5 |

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s