Desafio Literário: junho – 2018: Djaimilia Pereira de Almeida

Oi, pessoas!

Estou de volta para falar sobre minha leitura de junho do Desafio Literário: 12 livros escritos por mulheres negras para 2018. Sei que estou (eternamente) atrasada com essas publicações e agradeço a paciência de quem tem acompanhado minhas leituras. Como já disse antes, ler é muito mais fácil e rápido que escrever. Gostaria de poder me dedicar um pouco mais ao blog, mas isso ainda não é possível, então continuo com passos de formiguinha, mas em algum momento consigo fazer tudo. Uma hora vai! Bem, o livro de junho foi Esse Cabelo, da Djaimilia Pereira de Almeida. Como sempre, deixarei para contar minhas impressões sobre ele na próxima publicação. Hoje quero compartilhar o motivo da escolha do livro e da autora.

Djaimilia Pereira de Almeida

Na verdade, nesse caso a escolha foi apenas por causa do livro, já que eu não conhecia ainda essa escritora. Vocês já a conhecem? Ela é nascida em Luanda (Angola), mas ainda muito pequena se mudou com a família para Lisboa (Portugal), cidade onde cresceu e vive até hoje. Tem uma formação acadêmica na área da literatura e diversos ensaios e artigos publicados. Livros são três: Esse Cabelo (2015), Ajudar a cair (2017) e Luanda, Lisboa, Paraíso (2018). Até onde descobri, apenas Esse Cabelo tem edição brasileira, mas como seus livros são escritos em português, acredito que não seja tão difícil encontrar suas publicações mais recentes. Djaimilia é mulher, negra e jovem publicando e isso me deixa bastante animada. É muito legal ver mulheres ocupando esses espaços dos quais por tantos anos temos sido afastadas.

Pois bem, quando digo que minha escolha dessa vez não se baseou tanto na autora e sim no livro, foi porque me identifiquei logo de cara. Começar a usar meu cabelo natural é bem recente para mim. Cheguei a escrever sobre esse assunto aqui no blog, durante muitos e muitos anos tive uma relação difícil com meu cabelo, de não aceitação, de achar ele feio e, consequentemente, me achar muito feia por estar fora dos padrões (e o cabelo era/é só um padrão do qual estou fora). Foi um longo caminho até parar de usar químicas no cabelo e entender e criticar o motivo de ele ser considerado feio por mim e por outras pessoas. Então, quando pesquisei sobre quais livros poderia incluir na minha lista e me deparei com esse, foi uma reação automática: eu preciso ler esse livro, preciso ver o que ele pode trazer sobre o assunto.

Vou guardar meus comentários sobre Esse Cabelo para a próxima publicação, mas antes de terminar, quero compartilhar duas entrevistas com a Djaimilia Pereira de Almeida, que achei interessantes. São entrevistas um pouquinho antigas, mas nelas a autora fala justamente sobre esse livro e sobre sua experiência como escritora e como angolana-portuguesa. Vale a pena conferir.

  • A primeira é essa AQUI, do Suplemento Pernambuco.
  • A segunda é essa AQUI, da Rede Angola.

 

Espero vocês para falarmos sobre o livro!

Para ver a lista completa do meu desafio literário desse ano, clique aqui.

Anúncios

Um comentário sobre “Desafio Literário: junho – 2018: Djaimilia Pereira de Almeida

  1. Pingback: Desafio Literário: 12 livros escritos por mulheres negras para 2018 |

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s